12 cidades baianas decidiram cancelar festas de São João 2020

A sanfona, as bandeirolas, o caipira, entre outros símbolos da festa, são algumas das peças utilizadas para decorar o Pelourinho, que recebe parte da programação do São João da Bahia Foto: Camila Souza/GOVBA
A sanfona, as bandeirolas, o caipira, entre outros símbolos da festa, são algumas das peças utilizadas para decorar o Pelourinho, que recebe parte da programação do São João da Bahia Foto: Camila Souza/GOVBA

Na última segunda-feira (6) ao menos 12 prefeituras do estado da Bahia assinaram um termo conjunto de não realização dos seus eventos.

Com isso, as tradicionais festas de São João 2020 estão canceladas. Amargosa, Ibicuí, Senhor do Bonfim, Irecê, Miguel Calmon, Seabra, Itaberaba, Piritiba, Cruz das Almas e Santo Antônio de Jesus fizeram este acordo para o cancelamento dos festejos.

No mês de fevereiro, os municípios de Conceição do Almeida e Vitória da Conquista, já haviam anunciado o cancelamento.

“Somos um dos maiores festejos juninos da região e precisamos dar o exemplo, além de termos a responsabilidade no combate à propagação do vírus, por isso entendemos que a única forma de evitar aglomerações, como determina a Organização Mundial de Saúde, é o cancelamento da festa este ano”, afirma o prefeito de Ibicuí, Marcos Galvão.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*